Debussy, J. Anderson, Rogel Samuel


Falecimento de Débussy (1918). homenagem de Eliana Mora   
Poesia
Enciclopédia Virtual Blocos de Poesia Brasileira Contemporânea: J. Anderson  
Prosa
Coluna quinzenal de Rogel Samuel

Comentários

ROGEL SAMUEL disse…
estou realmente em boa companhia, amigos...
obrigado
beijos

Postagens mais visitadas deste blog

Outono!

LITERATURA DE CORDEL: A MEMÓRIA DO SERTÃO EM FOLHETOS