LIVROS EM BLOCOS, POR MARLI BERG


Marli  Berg é jornalista, crítica teatral, colunista literária de "Ele Ela",
"Manchete", "O Globo" e autora de romances de fiçcão

 

LIVROS: O MELHOR PRESENTE DE NATAL (II)

Todos os anos, neste período que antecede o Natal, Livros em Blocos oferece sugestões de livros que podem ser dados como presente. Na edição passada, sugerimos seis títulos que, certamente, agradarão muito aos que os receberem como presente. Nesta primeira coluna de dezembro,  vamos dar mais dicas e facilitar suas compras de Natal. Fique à vontade par mandar um e-mail dizendo se gostou ou não
dos livros que apresentamos hoje.

1 - Igreja Católica / Jornalismo / Documentos

Sua Santidade – As Cartas Secretas de Bento XVI (Leya) do jornalista italiano Gianluigi Nuzzi, (autor do best-seller Vaticano S.p.A), lançado em maio deste ano na Itália, foi escrito baseado em cartas confidenciais, destinadas ao Papa e a seu secretário pessoal, e descreve diversas manobras internas da liderança da Igreja Católica.

As cartas secretas do Papa tratam de assuntos sensíveis e polêmicos, relacionados a Igreja Católica, como a questão da pedofilia, a influência da Igreja na política italiana e guerras de poder interno. Os documentos teriam vazado para as mãos do jornalista Nuzzi através de uma fonte secreta, que teria entregue cartas, relatórios e papéis, que possibilitaram a elaboração de um livro tão completo sobre assuntos altamente delicados, que envolvem a cúpula da Igreja. A leitura do livro é fascinante, já que os capítulos se interligam, criando uma estrutura semelhante a um thriller. Um livro corajoso, que caiu como uma bomba sobre o Vaticano, mas jogou luz sobre questões importantes, que interessam a todos. Um bom presente de Natal.


2 – Romance Australiano

A Menina Que Roubava Livros, do australiano Markus Zusak, foi um enorme sucesso, transformando seu autor num nome mundialmente conhecido da literatura.

Um livro maravilhoso, que foca um personagem adolescente, O Azarão (Bertrand Brasil) foi o  primeiro romance que escreveu, e está sendo lançado agora, entre nós, uma prova do grande sucesso que a literatura “jovens adultos” está alcançando. O personagem central da história é Cameron, que tem 15 anos, três irmãos mais velhos, pai encanador e mãe durona. Ele é um adolescente típico, insatisfeito consigo mesmo, um homem em formação, quando, de repente, se apaixona por Rebeca, a garota de seus sonhos, Mas, para consegui-la, terá que mudar suas atitudes e pensamentos derrotistas, e transformar-se num vencedor. Uma excelente narrativa sobre o  rito de passagem para a vida adulta. Um presentão de Natal para todas as idades.

3 - Romance Inglês

A escritora e jornalista inglesa Carmen Reid, está lançando As Jóias de Manhattan (Bertrand Brasil), um romance em que seu fantástico senso de humor se alia à criatividade para nos contar uma história engraçada, romântica, com pinceladas da realidade feminina no século XXI.

Tudo começa quando três irmãs chegam a Nova Iorque em busca de sucesso e fortuna. Mas isto não é fácil, e depois de várias tentativas mal sucedidas, uma das irmãs tem uma idéia aparentemente genial, que consiste em três ítens:  roubar jóias fabulosas, vendê-las por milhões e viverem felizes para sempre. Mas será que elas vão conseguir se tornar ladras de sucesso? Reid penetra a realidade da mulher de hoje, que quer sucesso no que faz, mas não dispensa um homem maravilhoso ao lado, que é capaz de ser forte e se sacrificar no trabalho, mas se desmancha em lágrimas se o namorado não elogia o novo corte de cabelo. Um romance bom demais, com todas as qualidades dos dois que ela já publicou antes pela Bertrand Brasil: Uma Cama Para Três e A Terra Tremeu? Presentão para quem adora boas e divertidas histórias.


4 - Clássicos / Literatura Infanto-Juvenil

Um Hino de Natal (Global) de Charles Dickens, é um dos textos mais divulgados da literatura universal. Publicado em 1843, foi traduzido para diversas línguas, e adaptado para o cinema, teatro e quadrinhos.  No Brasil, a tradução e adaptação foi feita por nossa grande poeta, Cecília Meireles,  e impresso, pela primeira vez, em 1947, tendo sidoe distribuído como separata da Seleções Reder's Digest. Escrito para ser divulgado em capítulos (folhetim), a obra conta a história de Ebenezer Scrooge, um ancião solitário, mesquinho, rabugento, e sem sensibilidade para com o próximo, que se preocupa apenas com seus lucros,  detesta o Natal e a felicidade que aparece na fisionomia das pessoas que amam a data.

Scrooge trabalha com um homem pobre, pai de quatro filhos, sendo que um deles é deficiente físico, mas, apesar de todas as dificuldades que enfrenta na vida, ama o Natal. Na véspera da Festa, Ebenezer  recebe uma visita que mudará sua vida. A brilhante narrativa de Dickens, a beleza e sensibilidade da história, ficam ainda mais realçadas pela perfeita tradução de Cecília, que captou a história com a antena da sensibilidade, e deu o tom certo ao longo de todo o livro. Excelentes ilustrações de Lelis, que dão realce a primorosa edição em capa dura.  Um riquíssimo e valioso presente, de leitura obrigatória, que deve se transformar em bem de família, a ser passado de geração em geração.


5 - Romance Norte-Americano

Considerado pela crítica americana um dos dez melhores lançamentos deste ano, e elogiado por importantes publicações americanas, Jun Do – Uma Saga de Amor, Esperança e Redenção No País Mais Fechado do Mundo (Lafonte), do escritor norte-americano Adam Johnson, professor e criação literária da Universidade de Stanford, acompanha a jornada de um jovem no regime ditatorial da Coréia do Norte, para, através dela, mostrar a história contemporânea do país.

Adam Johnson mostra que há muita vida e humanidade por trás das concepções de uniformidade rígida de um regime fechado como o da Coréia do Norte, com talento e profundo senso político. O New York Times Book Review, uma das mais prestigiadas publicações que tratam do mercado editorial, descreveu o romance como “uma versão épica de 1094, de George Orwell”. Com conhecimento e talento, Johnson reconstrói,, para o leitor, o misterioso mundo da Coréia do Norte, levando-o a fazer, junto com o protagonista, um caminho árduo, mas, mesmo assim, cheio de esperança em dias melhores. Um presente de Natal que vai informar, emocionar e propor a fé no futuro, mesmo quando o presente for sombrio.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Outono!

LITERATURA DE CORDEL: A MEMÓRIA DO SERTÃO EM FOLHETOS