RETROSPECTIVA 2013

 
Os fatos culturais mais marcantes do ano

BRASILEIRO RECEBE 1º LUGAR EM CONCURSO DE COMPOSIÇÃO NOS ESTADOS UNIDOS - Uma das mais prestigiosas orquestras americanas, a Susanville Symphony, sediada na Califórnia, premiou o compositor ANDERSEN VIANA no âmbito do Concurso 2012 de Composição - Susanville Symphony. A obra “Peça de Concerto in blue” obteve o Primeiro Lugar na categoria internacional. Esta premiação foi outorgada ao compositor baseada nas qualidades artísticas e técnicas da música. O envio das obras por cerca de 50 compositores de todo o mundo foi feito anonimamente. Além de quantia em dólares, a obra será interpretada pela orquestra em abril próximo dentro da série “THE MODERN COMPOSER”. De acordo com o director artístico da orquestra Benjamin J. Wade, “ Nós escolhemos esta obra pela variedade de melodias, frases memoráveis, um novo olhar da música orquestral moderna formando um conjunto estético incrivelmente agradável. À mente não é permitido a monotonia…” “Peça de Concerto in blue” reúne elementos jazzísticos e ritmos oriundos da música de tradição oral do Brasil, procurando ao mesmo tempo, uma afirmação de uma multiculturalidade artística que pudesse ser compreendida universalmente. A obra pode ser ouvida no site https://soundcloud.com/andersen-viana/concert-piece-in-blue-by Referências: http://www.susanvillesymphony.com/ http://pt.wikipedia.org/wiki/Andersen_Viana  

Contato com o compositor: E-mail: vianabr@andersen.mus.br
Notícia enviada por Regina Viana

REVISTA ESPINHO D'ÁGUA ACEITA COLABORAÇÕES LITERÁRIAS - Lançada neste mês de março, a Revista Espinho D'água, publicação digital gratuita, agregada ao site http://revistaespinhodagua.com, tem como objetivo a promoção, discussão e compartilhamento de temas e informações relacionadas à literatura, música, cinema, artes visuais e o cotidiano urbano contemporâneo nacional e estrangeiro, valendo-se de uma linguagem descomplicada e agradável, mas com conteúdo analítico e reflexivo. Editado por quatro artistas, entre escritores e artistas visuais, além de contar com eventuais colaboradores e convidados, de acordo com o tema proposto em cada edição, a publicação digital tem como escopo o alcance do público em geral, com especial atenção aos escritores e artistas novos e independentes, tanto como leitores, como para a promoção de suas obras ou eventos, de forma inteiramente gratuita. A revista se propõe a entreter e questionar, promover, informar e agregar novos pontos de vista sobre assuntos de interesse artístico, social e comportamental da sociedade. Acessem o site e, depois, para contatos e mais informações: revista@revistaespinhodagua.com
Notícia enviada por Wilson Pereira dos Santos

NOTA DE FALECIMENTO: PACO CAC, pseudônimo de PAULO CEZAR ALVES CUSTÓDIO (1952) - Em 4 de abril, através do facebook, a filha de Paco Cac, Pilar de Freitas, escrevia: "É com muito pesar que venho aqui informar. O poeta, militante, professor, pesquisador, vascaíno, carioca e acima de tudo meu pai, faleceu nesta quarta, 3 de abril de 2013. Aos que oram, orem. Aos que não, recordem. Aos amigos e familiares, guardem sempre a memória da vida, os poemas compartilhados e os sambas cantados. Iremos cremá-lo em Brasília. Em seguida faremos uma cerimônia no Rio, aonde ele realmente gostaria de ficar". A cremação aconteceu no dia 5, e m Goiás, e a homenagem a Caco Pac, no Rio, foi no dia 13 de abril: "Cerimônia de cinzas do Paco Cac no Rio de Janeiro: Ponto de encontro no Museu da República (Palácio do Catete). Entrada que dá para a rua do Catete. Faremos uma homenagem no museu, depois seguiremos para o mar". No início de fevereiro, Paco Cac, companheiro de muitos anos de jornada poética, no dia 8 de fevereiro nos fez uma bela dedicatória em seu catálogo de Revistas Literárias Brasileiras - Século XX (vol. 2), nos enviou o exemplar dia 25 do mesmo mês e recebemos a remessa no início de março, um mês antes de sua morte. Leiam as poesias de Paco Cac em Blocos Online.
Notícia enviada pelo facebook

NOTA DE FALECIMENTO - Dia 28 de abril faleceu Paulo Vanzolini (SP, 25/4/1924 - 28/04/2013), compositor que, embora bissexto, criou grandes composições como Ronda, Na boca da noite,Praça Clóvis, Volta oor cima, entre outras. Nunca estudou música, a que se dedicava por hobby. Cientista, médico e zoólogo, foi diretor do Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo (USP), onde trabalhou por mais de 40 anos. Em 2008, doou o acervo de sua biblioteca, com mais de 25 mil itens – incluindo obras raras, periódicos e mapas – ao museu. Segundo o governo de São Paulo, o valor do acervo é estimado em US$ 300 mil. Foi premiado pela Ordem Nacional do Mérito Científico com a classe Grã-Cruz por sua contribuição na área das Ciências Biológicas. Pelo mesmo motivo, recebeu também um prêmio da Fundação Guggenheim, de Nova York.

NO DIA DA ECOLOGIA E DO MEIO AMBIENTE PROJETO AJUDA A PRESERVÁ-LOS - Para o dia 5 de junho, Dia Mundial da Ecologia e do Meio Ambiente, recebemos a seguinte notícia: Você sabia que trocar livros é uma ótima forma de preservar o meio ambiente? Segundo o site Eco-Libris, mais de 30 milhões de árvores são cortadas, anualmente, para produzir apenas os livros norte-americanos. Para gerar 1 tonelada de papel são necessárias 2 a 3 toneladas de madeira, uma grande quantidade de água (mais do que qualquer outra atividade industrial) e muita energia (está em quinto lugar na lista das que mais consomem energia). Não deixe seus livros parados na estante. Cada exemplar pode percorrer centenas de mãos, ajudando o meio ambiente e difundindo o conhecimento. Se você ainda não trocou, veja como funciona: http://www.trocandolivros.com.br/como-funciona

PSIU POÉTICO 2013 - O Grupo de Literatura e Teatro Transa Poética, em parceria com a Prefeitura de Montes Claros-MG, Secretaria de Cultura,Centro Cultural Hermes de Paula Unimontes-Universidade Estadual de Montes Claros, Fundação Cultural Genival Tourinho, divulga as homenageados para o 27º Salão Nacional de Poesia Psiu Poético, PSIUPOÉTICO – SIGNOS & CULTURAS. Relação de homenageados tem sete nomes – entre eles, o baiano Almandrade Acaba de ser divulgada a lista de homenageados da 27ª edição do Salão Nacional de Poesia Psiu Poético. Este ano, além da pré-lista que contemplava 34 nomes, e de onde foram retirados apenas sete artistas, o evento também presta homenagem aos chilenos Pablo Neruda e Salvador Allende, em razão dos 40 anos do golpe militar de 1973. Os homenageados da edição 2013 que estarão no Psiu Poético de 04 a 12 de outubro de 2013, são: o redator publicitário, jornalista, tradutor e letrista de música popular Luiz Roberto Guedes; o poeta, artista plástico, arquiteto, Mestre em Desenho Urbano e professor de Teoria da Arte das Oficinas de Arte do Museu de Arte Moderna da Bahia, Almandrade; o cantor, compositor, violonista e escritor Reynaldo Bessa; o poeta, ator e videomaker Artur Gomes; o professor de Literatura da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), contista, ensaísta e poeta Osmar Pereira Oliva; o destaque da poesia experimental e visual brasileira Amarildo Anzolin; e a jovem Alice Melo Lopes, promessa das artes que, aos 11 anos, já participou do Salão Nacional de Poesia Psiu Poético em duas edições.

NOTA DE FALECIMENTO - Faleceu dia 9 de outubro, a poeta e atriz carioca Norma Bengell (Norma Aparecida Almeida Pinto Guimarães D'Áurea Bengell , Rio de Janeiro, 21/9/1935 - 9/10/2013) foi uma das maiores musas do cinema e do teatro brasileiros nas décadas de 50, 60 e 70. Atriz, vedete, cineasta, cantora e compositora, Norma começou a carreira na música no início dos anos 50. Ela foi lançada no meio artístico por Carlos Machado, produtor de musicais, e foi vedete na Boate Nigth and Day, no Rio. Em 1959, lançou o primeiro disco, com músicas de Tom Jobim e João Gilberto. Fez sucesso com sua gravação das versões "A lua de mel na lua" e "E se tens coração". Norma estreou no teatro em "Cordélia Brasil", em 1968, sob a direção de Emilio Di Biasi. Nos anos seguintes, participou das peças "A Noite dos Assassinos" (1969), de José Triana, com direção de Eros Martim; "Os Convalescentes" (1970), com direção de Gilda Grilo; "Vestido de Noiva" (1976), de Nelson Rodrigues, sob a direção de Ziembinski. Em sua última atuação no teatro, participou da montagem de "Dias Felizes", de Samuel Beckett, em 2010. No cinema, participou de 64 filmes. Estreou nas telas aos 23 anos, no longa-metragem "O Homem do Sputnik", estrelado por Oscarito, onde fez sucesso parodiando a famosa atriz francesa Brigitte Bardot. Norma Bengell fez história em 1962 ao exibir o primeiro nu frontal do cinema brasileiro aos 27 anos, no filme "Os Cafajestes", de Ruy Guerra. Nos anos 80, lançou-se diretora de cinema com "Eternamente Pagu". Na televisão, Norma começou sua carreira na TV Bandeirantes, com "Os Adolescentes" (1981) e "Os Imigrantes" (1982). Em 1983, foi para a TV Globo, onde fez a minissérie "Parabéns pra Você", e as novelas "Partido Alto" (1984) e "O Sexo dos Anjos" (1989). Seu último trabalho na TV foi em 2009, no programa humorístico "Toma Lá, Dá Cá". Fonte: http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2013/10/morre-no-rio-atriz-norma-bengell.html
Norma Bengell participou da antologia de poesia "Mulheres da Vida", organizada por Leila Míccolis, Ed. Vertente, 1978, SP. Leia dois de seus poemas constantes desta obra clicando aqui.

NOTA DE FALECIMENTO - Faleceu em 21 de outubro de 2013 a poeta e ativista cultural Cecília Fidelli, que nos anos 80 criou e divulgou uma publicação alternativa mimeografada chamada Reviragita. Ela mantinha o blog: http://ceciliafidelli.blogspot.com.br/ Preste sua homenagem a ela, lendo-a em Blocos.
Notícia enviada por Selmo Vasconcellos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Outono!

LITERATURA DE CORDEL: A MEMÓRIA DO SERTÃO EM FOLHETOS