CERIMÔNIA DE PASSAGEM

     

     

    “a zebra feriu-se na pedra
                                        a pedra produziu lume”

    a rapariga provou o sangue
    o sangue deu fruto

    a mulher semeou o campo
    o campo amadureceu o vinho

    o homem bebeu o vinho
    o vinho cresceu o canto

    o velho começou o círculo
    o círculo fechou o princípio

                               “a zebra feriu-se na pedra
                                 a pedra produziu lume”

                                                                          Ana Paula Tavares

    Do livro: "Ritos de Passagem", Cadernos Lavra e Oficina, 1985

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dia de Reis, desmonte da árvore, romã...

Outono!