Postagens

Mostrando postagens de Março, 2013

Feliz Páscoa!

Imagem
Blocos deseja a todos os amigos leitores uma Feliz Páscoa!

Antologia Poética: O encontro belo e profundo de dois gênios brasileiros e outras leituras, por Marli Berg

Imagem
Duas das maiores vozes poéticas brasileiras ganham antologia, um verdadeiro presente para os amantes desta nobre e eterna arte, que tem, no Brasil, nomes estelares, e que deixaram uma obra significativa para a  poesia ocidental. Mais um tento gravado pela editora Global na preservação e divulgação de nossa cultura, ao trazer à luz, através de excelentes edições, dois de nossos maiores poetas: Cecília Meireles e Manuel Bandeira.  Antologia Poética: Cecília Meireles (Global), coletânea publicada pela primeira vez em 1963, um ano antes de sua morte, é a única cujos textos foram escolhidos pela própria  poeta. Composta por poemas retirados de diversos de seus livros, e alguns textos inéditos, a antologia revela um precioso auto-retrato da escritora. A obra poética de Cecília Meireles é tecida numa linguagem excepcionalmente harmoniosa, que consegue transmitir, ao leitor, sensibilidade e emoções da autora, e aborda grande diversidade de temas, que vão desde o louvor às pequenas maravilhas …

As máscaras

Imagem
O poeta estava em Estocolmo. Tudo branco ao seu redor, dos olhos dos suecos aos tetos das casas. A solidão do poeta naquela cidade distante também o branquejava por dentro. Ele observa numa vitrine duas máscaras de demônios africanos. Eram de tal desordem na ordeira Estocolmo aquela abruptas faces, com as agudas maçãs-do-rosto, a testa alta e os olhos vazios, olhos que levavam para dentro das máscaras uma escuridão maior. Tais artefatos não poderiam estar ali como se fossem peças de artesanato para satisfazer o desejo de exotismo de uma madame sueca. Era preciso levá-las embora. E assim fez o poeta, comprou as máscaras de demônios africanos. A saber: o poeta andava por Estocolmo sozinho, mas aqui, nessas terras de baixo trópico, ele não é sozinho, tem esposa que o recebeu festiva no aeroporto. A empolgação do poeta em Estocolmo esqueceu que sua mulher odiaria as máscaras. De qualquer forma, iria tentar, quem sabe a esposa não as aceitaria naquele espaço vazio na parede, que há muito a…

Semana Santa em Blocos

Imagem

FHC entrega carta de candidatura à Academia Brasileira de Letras

Imagem
Declaração foi entregue pessoalmente pelo ex-ministro Celso Lafer.Cadeira 36 ficou vaga com morte de João de Scantimburgo na sexta (22).FHC em Assembleia da Sociedade Interamericana
de Imprensa, em outubro de 2012 (Foto: Flavio
Moraes/G1)
Fernando Henrique Cardoso oficializou em carta sua candidatura a uma cadeira de imortal Academia Brasileira de Letras (ABL). A carta foi entregue pessoalmente, em nome do ex-presidente do Brasil, pelo imortal Celso Lafer, nesta quarta-feira (27), em reunião da ABL no Rio, de acordo com a assessoria de imprensa da instituição. A cadeira de número 36, para a qual FHC se candidata, era ocupada pelo jornalista e escritor paulista João de Scantimburgo, que morreu na sexta-feira (22).A entrega da carta aconteceu por volta das 17h, assim que foi aberta oficialmente a vaga na academia, depois da "Sessão da Saudade" em homenagem a Scantimburgo, no palácio Petit Trianon, sede da ABL, no Rio. A carta de candidatura foi entregue por Lafer, ex-chanceler e …

Parabéns para Affonso Romano de Sant’Anna!

Imagem

Concursos: resultados e regulamentos

Imagem

'JB' estreia coluna sobre literatura policial. Jovem escritor Raphael Montes destrinchará os "Mistérios para ler antes de morrer (ou ser morto)"

Imagem
O Jornal do Brasil passa a publicar a partir deste sábado (23) a coluna semanal de literatura policial Mistérios para ler antes de morrer (ou ser morto). A ideia da publicação é explorar a extensa produção deste gênero literário, que lidera as vendas e o gosto do público ao redor do mundo.  O projeto de Mistérios para ler antes de morrer (ou ser morto) visa trazer ao leitor uma projeção do que tem sido publicado de melhor entre os romances policiais contemporâneos, do Velho Continente ao Brasil. A cada semana serão destrinchados romances que encantaram - e abalaram - leitores de todos os recantos do planeta. A primeira escolha não poderia ser mais atual: Os homens que não amavam as mulheres, primeiro livro da trilogia Millenium escrita pelo sueco Stieg Larsson. >> Confira a coluna "Mistérios para ler antes de morrer (ou ser morto)"Raphael Montes no lançamento de seu livro "Suicidas"O texto ficou a cargo do jovem escritor Raphael Montes, que no ano passado tev…

PÁSCOA 2013

Caminho por asas brancas vividas,
Senhor, vou tecendo meus versos!
Espalhando em suave frescor, o remanso,
Na folhagem o perfume das rosas colhidas!
É um tempo interior de ação serena,
Pelo céu as cores d'outro renascer,
Numa nova essência da vida terrena,
Em comunhão com Amor/Amigo a crescer.
Páscoa é um tempo de Amor e Paz,
Que perdoa e apaga a desesperança,
Em ressonância, com a luz que nos faz,
Viver nos cristais do amor com mais confiança!
Este novo Futurecer vem a cada emoção,
Onde os anjos cantam a divina acolhida
E exultam numa prece, o vosso divino perdão,
A bendizer dentro de nós, uma Alma Renascida.                                          Efigênia Coutinho

O CAMINHO QUE NÃO PODE SER EXPRESSO

O TAO TE KING diz assim: “O caminho que pode ser expresso não é o Caminho constante
O nome que pode ser enunciado não é o Nome constante
Sem-Nome é o princípio do céu e da terra
Com-Nome é a mãe de dez mil coisas
Assim, a constante não-aspiração é contemplar as Maravilhas
E a constante aspiração é contemplar o Orifício
Ambos são distintos em seus nomes mas têm a mesma origem
O comum entre os dois se chama Mistério
O Mistério dos Mistérios é o Portal para todas as Maravilhas”É a tradução do Mestre Wu, do Mestre Wu Jyn Cherng, que foi meu professor de Chien Yi, uma espécie de luta chinesa. Há outras traduções. Mas aí está: o que pode ser traduzido não é o mesmo, já não diz o mesmo, o não-dito. E a tradução deixa o miolo para trás. Porque Lao Tsé falava de um caminho de liberdade e da liberdade do caminho. E todos nós só conhecemos o caminho da busca. Quem está buscando procura algo de que necessita. Não é livre, depende de “algo”. E esse “algo” é certamente uma ilusão, um fantasma, uma alucinaç…

Semana Santa em Blocos

Imagem

Blocos, domingo…

Imagem

Um ano sem Chico Anísio

Imagem
CHICO IMORTALSobre o humorista Chico Anysio, cuja morte todos lamentamos, já se escreveu tudo. Ou quase tudo. Quero contar um episódio, até aqui inédito, do qual fiz parte, e que agora, em homenagem a sua memória, vou revelar.
            Nosso conhecimento era distante. Ou quase, pois nunca deixei de assistir aos seus shows, sempre de casa lotada. Lembro particularmente de um deles, no antigo Teatro da Lagoa, ao lado do Drive-in, que não sai da minha cabeça. Talvez nunca tenha rido tanto assim, na minha vida. A cena do pau-de-arara, viajando pela primeira vez de avião, é digna de qualquer antologia de humor universal. Da mesma forma que ele contou, com o seu vozeirão inconfundível, o episódio do atacante do América F.C. (na época, Chico ainda era torcedor do clube de Campos Sales), que perdeu um gol feito, debaixo do travessão, e foi homenageado com um palavrão que lembrava a sua mãezinha.
            Nos idos dos anos 90, recebi do diretor Maurício Sherman, um mito do rádio e da telev…

Morre aos 97 anos o escritor e jornalista João de Scantimburgo

Imagem
Ele era membro da Academia Brasileira de Letras e dirigiu jornais de SP.
Morte aconteceu na madrugada desta sexta (22) após crise de diabetes.João de Scantimburgo, que foi jornalista e membro
da Academia Brasileira de Letras (Foto: Divulgação
/ABL)
O escritor e jornalista João de Scantimburgo morreu na madrugada nesta sexta-feira (22), aos 97 anos, após uma crise de diabetes, na clínica Elite Residencial, em São Paulo, informa a Assessoria Brasileira de Letras (ABL), do qual ele era membro. João de Scantimburgo nasceu em Dois Córregos (SP), em 31 de outubro de 1915. Ele era mestre em Economia e Doutor em Filosofia e Ciências Sociais e foi professor da Fundação Armando Álvares Penteado e da Universidade Estadual Paulista (Unesp). Scantimburgo dirigiu jornais do grupo Diários Associados ("Diário de S. Paulo" e "Diário da Noite"), o "Correio Paulistano", o "Diário do Comércio" e as revistas "Digesto econômico" e "Revista Brasileira"…

Dia Internacional da Água

Imagem

Dia mundial da Poesia

Imagem

ABL, poesia e prosa

Poesia, prosa, feira e Marli Berg

Elis Regina e Feira do livro em Cabo Frio

Imagem

Boal, Xenia, Amílcar e concursos

José Nêumanne, Afrânio, Vernaide e Allah Moreira

Poesia, Prosa, nascimentos e partidas, ABL e Blocos

Frases da semana (pelo Dia Nacional do Poeta) e outros assuntos…

Rubens da Cunha e sua prosa!

Bukowsky

Dia Internacional da Mulher

Imagem

Contos, livros e concursos…

Concursos literários, poesia e prosa

Patativa do Assaré

Artaud…

Wilson Martins…

Literatura, poesia e prosa

Rio de Janeiro, parabéns!

Imagem