Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2013

A uma passante

Imagem
A rua em derredor era um ruído incomum,
longa, magra, de luto e na dor majestosa,
Uma mulher passou e com a mão faustosa
Erguendo, balançando o festão e o debrum;Nobre e ágil, tendo a perna assim de estátua exata.
Eu bebia perdido em minha crispação
No seu olhar, céu que germina o furacão,
A doçura que embala o frenesi que mata. Um relâmpago e após a noite! — Aérea beldade,
E cujo olhar me fez renascer de repente,
So te verei um dia e já na eternidade? Bem longe, tarde, além, jamais provavelmente!
Não sabes aonde vou, eu não sei aonde vais,
Tu que eu teria amado — e o sabias demais! Charles Baudelaire(Enviado por Leninha)

Concurso de Belo Horizonte: resultado

Imagem

Aleijadinho!

Imagem
Nascimento de Aleijadinho (1730, Vila Rica/MG):   poesiaprosaPoesia Temática vida: Florbela Espanca (Portugal)Prosa  Temática homens/pais: Maria Luiza Falcão e Carlos Caramuru

Pierre Curie para Marie Sklodowska

10 de Agosto de 1894
Nada poderia dar-me maior prazer do que obter notícias suas. A perspectiva de permanecer dois meses sem ouvir acerca de você tem sido extremamente desagradável. Isto é para dizer que sua pequena nota foi mas de que bem-vinda.
Eu espero que você tenha armazenado um estoque de bom ar e espero que você volte para nós em Outubro. No que me diz respeito eu penso que não irei a lugar nenhum. Eu estarei no país onde passarei o dia todo em frente à minha janela aberta ou no jardim.
Nós temos nos prometido — não temos? — sermos pelos menos bons amigos. Se você não mudar de idéia! Pois não há promessas que sejam obrigatórias; tais coisas não podem ser ordenadas à vontade. Seria uma coisa ótima, mesmo assim eu dificilmente ouso acreditar, passar nossas vidas perto um do outro, hipnotizados por nossos sonhos; seu sonho patriótico, nosso sonho humanitário e nosso sonho científico.
De todos nossos sonhos o último é, eu acredito, o único legítimo. Eu quero dizer que nós somos impote…

ABL em Blocos: Ciclo de Conferências

Frases da semana (homenageando Charles Baudelaire)

Imagem

ATÉ LÁ DENTRO

Imagem
Quando eu ainda pensava em felicidades, felicidade era gesto despachado de me despir amassando peças de cima de baixo, ninguém recolher! o pessoal gritando tira tira tira tira mais! eu nuinha até lá dentro da silva e incólume, isso, incólume! de bunda arrepiada na praça e o mundo cheia de roupa no colo... Teve dia, ah, teve dia do meu sorriso escorrer por baixo, e menstruei abertamente meus perfumes de gardênia, leite coalhado e aborto mal curado... é fazia mal não, era um bálsamo o sabonete barato de lavatório da cidade, eu me banhava, me felicitavam, essa mulher vai longe! vai longe, não fui, nem cheguei a recolher meu soutien cor de carne embolado lá na calçada... Passou passou passou! uso sutiã, anágua e meia de liga todo santo dia, quando me dá na telha uso combinação, tenho sido feliz algumas vezes me usando no avesso, ainda me dou ao luxo de exibir-me alinhavos.Beatriz Escórcio Chacon

Chegadas e partidas…

Nasceram neste dia…1899 – Jorge Luis Borges, escritor argentino (m. 1986). 1929 – Yasser Arafat, líder, ativista e político palestiniano (m. 2004). 1948 – Jean Michel Jarre, compositor francês.Morreram neste dia…1540 – Parmigianino, pintor italiano (n. 1503). 1954 – Getúlio Vargas(na fotografia), político brasileiro (n. 1882). 1956 – Kenji Mizoguchi, cineasta japonês (n. 1898).

Dia do Internauta

Imagem
A data escolhida para homenagear a Internet e seus milhões de usuários é o dia 23 de agosto, mês em que se comemora o surgimento do World Wide Web, o famoso WWW. É em virtude dessas letras que se torna possível o acesso à rede mundial de computadores de forma ágil, simples e eficaz.
No dia 6 de agosto de 1991, na Suíça, que o projeto WWW foi publicado por Tim Berners-Lee, nos laboratórios da CERN (Organização Pan-européia de Pesquisa de Partículas). Por esta razão, o mês de agosto marca a estreia da web como um serviço publicado na Internet. Esta criação permitiu que qualquer usuário pudesse utilizar a rede de comunicação mundial Internet, interconectando todos os documentos digitalizados do planeta, tornando-os acessíveis em qualquer lugar do globo. Trata-se, provavelmente, da maior revolução na história da escrita desde Gutenberg e a invenção da imprensa.
Porém, foi o dia 23 de agosto que ficou conhecido mundialmente logo depois que uma imensa passeata, com o objetivo de celebrar impo…

ESCOLHE A ESCOLA

Imagem
Não deixa a tua cozinheira, senhora do sabor e da arte do saber - o que convém à mesa -, perdurar como incidadã analfabeta. Escolhe a escola.
Sabes aquele garoto junto ao sinal vermelho que te cessa o trânsito da vida? Aquele acrobata amador que faz bailar sobre a cabeça meia-dúzia de bolas ou garrafas? Não dê a ele esmolas, abra-lhe horizontes, aplaca-lhe a fome de humanidade. Escolhe a escola.
Se empregas um jovem de cujo trabalho recebes teu bem-estar, não o deixes absorvido a ponto de impedi-lo de ler, aprimorar sua cultura e seu preparo intelectual. Escolhe a escola.
Não te entregues à ociosidade inútil de tua aposentadoria, teu tempo absorvido por programas televisivos de mero entretenimento, os dias a escorrer céleres a apressar-te a velhice, como se as folhas despidas no outono não mais retornassem no vigor da primavera. Escolhe a escola.
Se enfrentas a atroz dúvida de como presentear os mais jovens, sem a certeza de que haverás de agradá-los, invista no futuro deles, não dês embr…

Leninha

Imagem

De quem este Rio é filho

. Cantou Bandeira. Depois do auge das passeatas, depois do Papa Francisco, depois do frio polar (para nós), o Rio de Janeiro lentamente está voltando a ser o que era dantes, a cidade maravilhosa, porque o sol voltou a brilhar. Louvo o santo padroeiro
– Bravo São Sebastião –
Que num dia de janeiro
Lhe deu santa defensão. Esta cidade tem de ter sol, para viver. Como planta. O povo desta cidade não sorri se a chuva ou o vento lhe bate à porta. Ele não atende, não abre. Louvo a Cidade nascida
No morro Cara de Cão,
Logo depois transferida
Para o Castelo, e de então
Descendo as faldas do outeiro,
Avultando em arredores,
Subindo a morros maiores
— Grande Rio de Janeiro! No Morro Cara de Cão, onde moro, o Rio é sol, é mar, é chope, é lugar comum. Eu sou um amazonense bem carioca, bem nascido nas ruas e praias, que já cantou o pernambucano Manuel Bandeira, na “ Louvação à Cidade do Rio de Janeiro”.
Cidade de sol e bruma,
Se não és mais capital
Desta nação, não faz mal:
Jamais capital nenhum…

Teatro!

Imagem

O Pinto do Boi, o Saci e a Bomba Atômica

Imagem
Estávamos nos preparando para sair quando minha amiga Teca soltou a pergunta: __ E aí, Chico, o que você acha de eu levar o pinto do boi? __Ótima idéia, Teca, tudo a ver, vai fazer sucesso! Bora levar esse pinto pra reunião! Ela apanhou sua bolsa, o celular, o pinto seco do boi, que é um objeto cilíndrico de 60 cm de comprimento, parecendo feito de plástico reciclado, trancou a porta da casa, entramos os dois no carro e partimos em direção à cidade de Caçapava, onde nos esperava uma reunião do Núcleo Içá Bitú, o braço regional da Comissão Paulista de Folclore para o Vale do Paraíba. A cada mês, um grupo de pessoas se reúne para discutir estratégias que visam a salvaguarda do folclore na região. O responsável por disparar os emails convidando a turma sou sempre eu. Contabilizo os que confirmam, a fim de que o dono da casa possa ter uma previsão do número de bocas que se farão presentes para o almoço, que é gentilmente oferecido pelo anfitrião. Para esta reunião em Caçapava, uma das par…

Millôr, Caymmi e Bukowsky

Euclides e Nietzsche…

Imagem

Desfamiliares

Imagem
Amigos de Blocos Online,
Dia 20 estarei autografando meu livro Desfamiliares em Belo Horizonte, no Espaco Cultural Letras e Ponto. Será a partir das 19.30h.Espaço Cultural Letras e PontoRua Aimorés, 388 - salas 501 / 502 (esquina com Rua Ceará) Funcionários - Belo Horizonte - MG Espero rever os amigos mineiros e conhecer os poetas que se correspondem comigo pela Internet.
Desde já agradeço a divulgação e a presença.
Abraços a todos,
Leila

Brecht

Imagem